Contato

Acessibilidade

O termo acessibilidade significa incluir a pessoa com deficiência na participação de atividades como o uso de produtos, serviços e informações. Alguns exemplos são os prédios com rampas de acesso para cadeira de rodas e banheiros adaptados para pessoas com deficiência.

Na internet, acessibilidade refere-se principalmente às recomendações das Diretrizes de Acessibilidade para Conteúdo Web (World Content Accessibility Guide/WCAG) do Consórcio World Wide Web (W3C), principal organização de padronização da internet no mundo.

Na parte superior do site do Oi Futuro encontram-se os itens acessibilidade e os botões para aumentar/diminuir o tamanho da fonte e o contraste das páginas. Essas ferramentas estão disponíveis em todas as páginas do site do Instituto.

Os padrões de atalhos do site do Oi Futuro são:

  • Teclando Alt + 1 em qualquer página do site, o usuário é levado diretamente ao topo dessa mesma página.
  • Teclando Alt + 2 em qualquer página do site, o usuário é levado diretamente ao menu principal.
  • Teclando Alt + 3 em qualquer página do site, o usuário é levado diretamente à busca interna.

No caso do navegador Mozilla Firefox, em vez de Alt + número, tecle simultaneamente Alt + Shift + número. Sendo Firefox no Mac OS, em vez de Alt + Shift + número, tecle simultaneamente Ctrl + Alt + número.

No navegador Opera, as teclas são Shift + Escape + número.

Abaixo, você poderá baixar alguns softwares que ajudam na utilização do site para deficientes.

HeadMouse

O HeadMouse é uma solução tecnológica que permite às pessoas com mobilidade reduzida controlar o cursor do mouse pelos movimentos da cabeça. O software interpreta funções como “arrastar” arquivos por gestos faciais e piscar de olhos. Complementando a aplicação, o Teclado Virtual facilita às pessoas com deficiência física a possibilidade de redação de textos sem a necessidade de utilizar as mãos, já que capta os movimentos faciais do usuário, replicando-os sobre o um teclado digital.

De acordo com a empresa desenvolvedora do software, o uso do HeadMouse é possível graças a algoritmos de visão artificial desenvolvidos para a área da robótica móvel móbil. O usuário é capaz de utilizar de maneira intuitiva e natural o mouse virtual, sem nenhum tipo de formação ou conhecimento prévio. Uma vez instalado o software, não há necessidade de nenhum tipo de ajuda para acesso à configuração, nem para alterar os parâmetros oferecidos pelo sistema.

Teclado virtual

O Teclado Virtual, que complementa o HeadMouse, não requer formação prévia. Ele funciona por meio de um aplicativo que aparece na tela do computador e permite a produção de textos mediante a pulsação de teclas virtuais. O sistema incorpora inovações tecnológicas que facilitam ao máximo a escrita para pessoas com mobilidade reduzida que não podem utilizar teclados convencionais de computador.

O Teclado Virtual conta com funções de predição de palavras, cujos algoritmos aprendem com o modo de escrever do usuário e melhoram exponencialmente suas taxas de acerto. Os testes realizados para a produção e elaboração de textos literários extensos, entre 15 mil e 20 mil palavras, resultaram numa economia de até 40% nas pulsações de teclas necessárias para escrevê-las

Inscreva-se e faça parte da nossa rede! Receba informações sobre editais, cursos e programação

#JuntosTransformamos