Acessibilidade
Contato

CICLO “ESPAÇOS DE REENCANTAMENTO, AFETOS E UTOPIAS DE UM NOVO MUNDO”

CICLO “ESPAÇOS DE REENCANTAMENTO, AFETOS E UTOPIAS DE UM NOVO MUNDO”

31/12/1969

19h - 21h

Oi Futuro Flamengo

Salvar na Agenda
Início Término

Curadoria e Supervisão geral: Ana Lúcia Pardo
 
A quarta edição do Ciclo de Arte, Cultura, Política e Pensamento, que traz como tema “Espaços de Reencantamento, Afetos e Utopias de um Novo Mundo”, apresenta na programação de março dois encontros imperdíveis.
 
Dia 18, 19h 30: O Futuro da Cultura e a Ação Social
 
Qual seria o legado e as possibilidades de futuro da ação da cultura, através de artistas, coletivos e grupos, que atuam nessa área como recurso para solucionar problemas sociais através de experiências artísticas centradas nas comunidades?
 
Mesa de Debate:
 
George Yúdice – Professor da Universidade de Nova York, onde dirige o Centro de Estudos Latino-Americanos e Caribe, diretor de Estudos Culturais no Inter American Cultural Studies Network – IACSN. Autor de “A conveniência da cultura: usos da cultura na era global”, entre outras obras.
 
Gotschalk da Silva Fraga (Guti Fraga) – Jornalista, ator de televisão, cinema e teatro, diretor artístico, sócio-fundador do Grupo Nós do Morro, onde desenvolve um trabalho com teatro há 28 anos no Vidigal. Atualmente, é presidente da Funarte – Fundação Nacional de Artes.
 
Marcus Vinícius Faustini – Vídeoartista, documentarista, escritor e diretor teatral. Ex-secretário de Cultura de Nova Iguaçu, coordena a Agência de Redes para Juventude e o Festival Hometheatre, e escreve semanalmente para o jornal O Globo.
 
Dia 25: Afrolatinidades: Comunidades, Territórios e Cartografias Afetivas
 
O tema é o reencontro dos povos africanos da diáspora em territórios latino-americanos. Uma africanidade latina ou uma latinidade africana, que atravessa os nossos repertórios culturais comuns. O encontro começará na praça com muitos sons e rituais de tambores seguindo em cortejo até o teatro para uma apresentação musical e a mesa de debate.
 
18h: Abertura
 
Xirê – Treme – Terra Esculturas Sonoras (Aderbal Ashogun e Omo Aro Cia. Cultural)
Intervenção Urbana no Largo do Machado e cortejo em direção ao Oi Futuro
Aderbal Ashogun Moreira – Sacerdote Ashogun do candomblé, Filho de Mãe Beata de Yemanjá, percussionista, gestor ambiental e articulador cultural.
 
19h30: Aula-espetáculo: Abdias de Pai pra Filho (Ponto de Cultura IPEAFRO Griô Abdias Nascimento)
Abdias Nascimento Filho (Bida Nascimento) – Músico, instrumentista, arranjador e ator, formado em etnomusicologia pela Universidade do Estado de Nova York.
 
20h: Mesa de Debate
 
Mediador: Alexandre Santini- Ator, dramaturgo, produtor e gestor cultural. Coordenador do Laboratório de Políticas Culturais da ECO UFRJ.
 
Ivan Nogáles – Escritor boliviano, diretor do grupo de Teatro Trono, organizador do I Congresso Latino-Americano de Cultura Viva Comunitária.
 
Antônio Carlos da Silva (TC) – Músico, ativista digital. Criou o “Rota dos Baobás”, ação de georreferenciamento cultural em comunidades quilombolas do Brasil e América Latina. Fundador da Casa de Cultura Tainã em Campinas, que inspirou a criação dos Pontos de Cultura.
 
Elisa Larkin Nascimento – Escritora, pesquisadora, diretora-presidente do Instituto de Estudos e Pesquisas Afro-Brasileiros (Ipeafro), companheira de vida e de lutas do intelectual, artista e ativista afrobrasileiro Abdias Nascimento.
Reinaldo Santana – Ator, diretor teatral e comunicador popular, fundador do Grupo Teatral Entrou por Uma Porta.
 
Dias 18 e 25 de março, terça-feira | Nível 7
Entrada franca | Classificação etária: livre
Distribuição de senhas 30 minutos antes

Inscreva-se e faça parte da nossa rede! Receba informações sobre editais, cursos e programação



#JuntosTransformamos