Acessibilidade
Contato

Labirinto

Labirinto

31/12/1969

00h - 23h

Oi Futuro Flamengo

Salvar na Agenda
Início Término

Direção: Daniela Amorim
Codireção: Patrick Pessoa
Elenco: Alcemar Vieira, Otto JR e Paula Calaes
Texto: Alexandre Costa e Patrick Pessoa
Ambientação cênica: Brígida Baltar
Figurino: Paula Ströher
Iluminação: Renato Machado
Trilha Sonora e Direção Musical: Cadu Tenório e Romulo Fróes
Direção de Produção: Rossine A. Freitas
 
Os mitos gregos envolvendo Teseu, Ariadne e o Minotauro receberam inúmeras interpretações ao longo dos séculos, tendo inspirado autores como Nietzsche, Deleuze, Borges e Cortázar. Partindo de um diálogo com toda essa tradição de leituras e releituras, “Labirinto” brota da necessidade de dar voz àqueles que nunca tiveram voz: os anônimos que sempre acompanham os heróis, mas que são sintomaticamente esquecidos nas grandes narrativas históricas. A peça subverte inteiramente o enredo do mito original e constrói um ensaio teatral sobre a atualidade de suas questões. Assumindo o labirinto como uma grande metáfora da vida, o espetáculo articula o viés político do mito (a questão da legitimidade das dívidas) com seu viés existencial (as múltiplas possíveis reações humanas diante de uma situação aparentemente sem saída). Trata-se de um espetáculo polifônico, uma teia de materiais, vozes e registros dramatúrgicos heterogêneos, em que a palavra, a música e os elementos cênicos formam um labirinto no qual cada espectador precisará encontrar seus próprios caminhos.
 
De 27 de novembro a 31 de janeiro, quinta a domingo, 20h
Nível 7 | Entrada: R$ 20,00
Classificação etária: 14 anos
 
Debate
 
Após o espetáculo, haverá debate em duas quintas-feiras de janeiro:
 
Dia 14
Com a diretora Daniela Amorim e os atores sobre o processo de concepção e realização da peça.
 
Dia 21
Os autores Patrick Pessoa e Alexandre Costa conversam sobre a adaptação do mito para o universo teatral.
 

Inscreva-se e faça parte da nossa rede! Receba informações sobre editais, cursos e programação



#JuntosTransformamos