Acessibilidade
Contato

EM CARTAZ

O Homem Elefante (clique aqui para assistir) (Até 26/10)

– O espetáculo  nasce da parceria criativa entre a diretora Cibele Forjaz (SP) e a Companhia Aberta (RJ), e é o terceiro do grupo criado em 2011, na cidade do Rio de Janeiro. História verídica inspirada na vida de John Merrick – que morou em Londres na segunda metade do século XIX. Um jovem com uma terrível deformação é uma das principais atrações de freak shows (shows de aberrações).Acolhido para observação num prestigiado hospital londrino, Merrick é entregue aos cuidados de um famoso e jovem médico (Dr. Treves), passando de objeto de piedade à coqueluche da aristocracia e dos intelectuais. Em 1980, a vida de Merrick foi tema do filme “O Homem Elefante”, dirigido por David Lynch e estrelado por John Hurt, como Merrick, e Anthony Hopkins, como Dr. Treves. Hurt ganhou um Bafta (British Film Awards), além de indicações ao Oscar e ao Globo de Ouro por sua performance.

Encenação: Cibele Forjaz
Direção: Cibele Forjaz e Wagner Antônio
Texto: Bernard Pomerance
Elenco: Daniel Carvalho Faria, Davi de Carvalho, Regina França e Vandré Silveira

– Classificação etária: 16 anos.

– Esteve em cartaz no palco Oi Futuro de dezembro de 2014 à fevereiro de 2015.

Isso vai funcionar de alguma forma (clique aqui para assistir!) (Até 26/10)

– O espetáculo é uma criação artística múltipla, a partir do encontro de 16 artistas, de diferentes linguagens: quatro atrizes, quatro diretoras, quatro dramaturgas, uma figurinista, uma cenógrafa, uma diretora de trilha sonora e uma iluminadora. A proposta é refletir sobre a construção cultural, com base na característica que une todas as artistas envolvidas: pertencer socialmente ao gênero mulher, compreendendo a diversidade deste termo, da existência à resistência. “Fala, escuta, silêncio, silenciamento, corpo, voz, medo, liberdade, crise, gozo, alteridade e, acima de tudo, sororidade são trazidos à cena em tom performativo”, define Rúbia Rodrigues, idealizadora e uma das diretoras de “Isso vai funcionar de alguma forma”.

Coordenação Artística: Dominique Arantes e Rúbia Rodrigues
Dramaturgia: Daniele Avilla Small, Dominique Arantes, Keli Freitas e Renata Mizrahi
Direção: Cristina Moura, Denise Stutz, Inez Viana e Rúbia Rodrigues
Elenco: Amanda Mirásci, Dominique Arantes, Larissa Siqueira, Mariana Nunes e Vilma Melo

– Classificação etária: 16 anos.

– Esteve em cartaz no palco Oi Futuro de março à abril de 2018.

Confira a seguir os espetáculos infantis:

Lili, uma história de Circo (clique aqui para assistir!) (26/10)

A peça visita o universo mágico e apaixonante de um circo brejeiro que acolhe uma jovem órfã, que busca um lugar para começar uma vida nova. Após conhecer palhaços, um mágico, a mulher barbada, um bonequeiro e seus bonecos, Lili reconhece a sua verdadeira vocação, ao mesmo tempo em que descobre o amor. Com música, romantismo e muita palhaçada, o circo pede passagem para invadir o coração de crianças e adultos. No elenco, Soraya Ravenle, a estrelada atriz e cantora de musicais como “Ópera do Malandro em Concerto”, “Sassaricando – e o Rio inventou a marchinha” e “Um Violinista no Telhado”, entre outros sucessos.

Texto: Lícia Manzo
Direção: Isaac Bernat
Direção Musical: Roberto Gnatalli
Elenco: Soraya Ravenle, Gabriela Carneiro da Cunha, Debora de Magalhães, Izak Dahora,  Gabriel Vaz, Laura Becker, Tiago d`Avila

– Ficou em cartaz entre os dias: 6 de julho a 21 de setembro 2014

O mundo encantado Buarque de Holanda (clique aqui para assistir!) (Até 26/10)

Composto por onze músicas que são costuradas por textos, o musical conta a história do menino Chico que vive no mundo encantado de Buarque de Hollanda. Os personagens Tiana, Rico, Rena, Vini e Foca, uma trupe de saltimbancos, desvendam o imaginário do menino. Como menestréis, eles tocam, cantam e representam as aventuras vividas por Chico. “A banda” passa, “João e Maria” contam seus sonhos de brincadeira, pássaros reclamam em “Passaredo”, um menino travesso fala do seu anjo safado em “Até o fim” e também tem “Um boi voador”. Para o diretor Beto Brown, Chico Buarque é um compositor atemporal que ultrapassa e marca e gerações.

Direção: Beto Brown
Com: Anna Markun
Músicos atores: Renato Frazão (violão), Ricardo Rito (teclado), Vinicius Frate (contrabaixo) e Bruno Fochi (teclado)

– Ficou em cartaz no Oi Futuro de 21/09 a 20/10 de 2013. 

Nós de Borboletas (clique para assistir!) (Até 26/10)

– Espetáculo criado a partir do livro “Nós”, de Eva Furnari. Enquanto se dedica a vencer com seus amigos o concurso de invenções de sua cidade, Mel – uma menina rodeada de borboletas – se depara com descobertas sobre a passagem do tempo, a necessidade de mudança e a importância de se buscar antídotos contra a tristeza.

Direção: Cristina Moura e Emílio de Mello
Dramaturgia: Keli Freitas
Elenco: Daniele do Rosário, Carolina Pismel e Leandro Daniel

– Ficou em cartaz de 16 de novembro a 23 de fevereiro de 2014

Pedro Malazarte e a Arara Gigante (clique aqui para assistir!) (Até 26/10)

– “Pedro Malazarte e a Arara Gigante”, do gaúcho Jorge Furtado, roteirista e diretor premiado, recebeu três indicações ao Prêmio Tibicuera 2007, de melhor texto de teatro infantil em Porto Alegre. Nele, o autor recupera o personagem popular das histórias que ouviu quando criança, conhecido de tantas gerações. Cria, então, o encontro de Pedro com um homem que bate o carro porque ele é atropelado por uma galinha. A montagem pretende despertar a essência do simples e do criativo, a partir do jogo cênico entre os atores, estimulando a imaginação e a memória das crianças.

Texto: Jorge Furtado
Direção: Debora Lamm
Elenco: George Sauma, João Pedro Zappa e Luisa Arraes
Idealização: Luisa Arraes e Tatianna Trinxet

– Ficou em cartaz de 19 de abril a 8 de junho de 2014

Inscreva-se e faça parte da nossa rede!
Receba informações sobre editais, cursos e programação


Confira a política de privacidade

Cancelar meu cadastro na rede do Oi Futuro

×

Não quer mais receber os nossos e-mails?

Seu e-mail foi removido com sucesso.

×

Não quer mais receber os nossos e-mails?

Seu e-mail foi removido com sucesso.